SELLERINK BLOG
10jun/10

A História da Indústria Gráfica (Post VI)

Vamos recordar...

No último post da série, descrevemos o fato histórico (importantíssimo) invenção da impressão offset, em 1904.

No post anterior (III), descrevemos os fatos até 1911. Então vamos continuar...

1914

Fundada a primeira agência de propaganda do Brasil: Castaldi & Bennaton, conhecida pelo nome fantasia Eclética

Prédio da Eclética (Centro de São Paulo) em 1.920

Prédio da Eclética (Centro de São Paulo) em 1.920

Jocelyn Bennaton e João Castaldi - considerados como os mais antigos publicitários conhecidos, que atuavam como agenciadores de propaganda - fundaram em maio de 1914, em São Paulo, a primeira agência de publicidade: Castaldi & Bennaton, mais conhecida com o nome fantasia de A Ecléctica. Sua criação marca de forma definitiva a entrada do agenciador de publicidade na esfera de produção e introduz novos procedimentos na elaboração de anúncios, ainda que à base da cópia de um modelo mais desenvolvido - o norte-americano - e com algumas adaptações à realidade da época.

1916

Inauguração da Mesbla

mesblaNo prédio de número 83 da rua da Assembléia , no centro da cidade do Rio de Janeiro, foi instalada em 1912 uma filial da firma Mestre & Blatgé, com sede em Paris e especializada no comércio de máquinas e equipamentos.

A filial brasileira tinha pouca importância dentro da organização francesa espalhada pelo mundo. Em 1916 sua administração foi entregue ao francês Luiz La Saigne, até então subgerente da filial em Buenos Aires e teve início então a operação da empresa com importância no mercado, tida como sua inauguração de fato. Em 1924 La Saigne transformou o estabelecimento carioca numa firma autônoma, com o nome de Sociedade Anônima Brasileira Estabelecimentos Mestre et Blatgé, que em 1939 passou a denominar-se Mesbla S.A. A nova denominação era uma combinação das primeiras sílabas do nome original, que foi sugerida pela secretária do Sr. Luiz La Saigne, Izaura, por meio de um concurso interno. A preocupação era que no início da Segunda Guerra Mundial a França se manifestou solidária a Adolf Hitler, o que poderia ocasionar represálias no Brasil com referência ao nome.

A filha de La Saigne casou-se com Henrique de Botton. Ele e seu filho André comandaram a expansão da empresa até os anos 1980. Na década de 1950 a empresa tinha lojas instaladas nas principais capitais do país e em algumas cidades do interior. Nos anos 1980 a Mesbla tinha 180 pontos de venda e empregava 28 mil pessoas. Suas lojas de grande porte,com áreas raramente inferiores a 3 mil metros quadrados, eram pontos de referência nas cidades onde a Mesbla se fazia presente.

Por quase três décadas reinou praticamente sozinha no mercado de varejo, por ser a única empresa do gênero de abrangência nacional. Orgulhavam-se seus funcionários em afirmar que a Mesbla só não vendia caixões funerários, que são para os mortos; para os vivos tinham todas as mercadorias, desde botões até automóveis, lanchas e aviões.

1919

tosse-bromil-j-carlos2

Primeiro Outdoor do Brasil, colocado em São Paulo, na época chamado de Reclame Yankee, trazia mensagem do xarope Bromil

.

.

Linha de Montagem da Ford (em São Paulo) 1920

Linha de Montagem da Ford (em São Paulo) 1920

Instalação da Ford em São Paulo

- Criação da filial brasileira é aprovada com capital inicial de 25 mil dólares. Começou com 12 funcionários em dois andares de um depósito na rua Florêncio de Abreu, no centro de São Paulo, onde se iniciou a montagem do modelo T e do caminhão Ford TT.
- Foi a primeira montadora do Brasil.
- Início de produção do célebre modelo T, o primeiro carro mundial. No primeiro ano de operações foram vendidos 2.447 automóveis e 4 mil no ano seguinte.

.

.

1923

Impressora Miehle Vertical no Gutemberg Museum Fribourg

Impressora Miehle Vertical no Gutemberg Museum Fribourg

Robert Miehle fabrica, em Chicago, a famosa máquina impressora  "Miehle Vertical", totalmente automatizada

.

.

Anúncio da II Exposição de Automobilismo em São Paulo - 1924

Anúncio da II Exposição de Automobilismo em São Paulo - 1924

Primeira edição da Exposição de Automobilismo (precursora do Salão do Automóvel)

.

.

1925

o globo

Fundação do Jornal “O Globo"

Fundado pelo jornalista Irineu Marinho, proprietário do vespertino A Noite, tinha a intenção original de ser um diário matutino para expandir o público leitor da empresa. Acabou sendo o carro-chefe do grupo. Como Irineu faleceu semanas após a fundação do jornal, O Globo foi herdado por seu filho Roberto Marinho, que por meio do jornal conseguiu ascensão econômica e política criando um conglomerado de empresas de mídia que formou, junto com sua TV Globo, Rádio Globo, Editora Globo e demais veículos as chamadas Organizações Globo.

Ainda temos muita história para contar... e acompanhem também os posts sobre Controle da Cor e Tintas e Impressos de Segurança.

Durante a Expoprint - 23 a 29 deste mês, vamos dar mais ênfase ao clima da Feira, blogando direto de lá e atualizando nossa página EXPOPRINT 2010.

Mas depois da Feira voltamos com a atualização normal dos nossos posts das séries. Mas ainda temos a semana que vem..

Enviem seus comentários.

Obrigado.

Marcos Anghinoni - Diretor de Vendas

Se você gostou, veja também...

A História da Indústria Gráfica (Post 14) on August 22nd, 2010

COMO AS LATAS SÃO ENVASADAS? on February 8th, 2011

Tintas e Impressos de Segurança (Post IX) on July 26th, 2010

Metalgrafia (Post 2) on August 17th, 2010

Metalgrafia (Post 4) on September 20th, 2010

Comentários (2) Trackbacks (0)
  1. Olá, interessante o post sobre a história da indústria gráfica, mas ficou de fora a historia sobre a criação de uma das mais fantásticas máquinas criadas, que por sinal continua em atividade até os dias de hoje, segue o link ela foi criada por volta de 1914, estou me referindo a heidelberg de leque ou windmill. Dê uma olhada no link e por favor inclua essa parte, pois se o linotipo revolucionou o modo de compor, essa máquina tbm o fez.


Deixar um comentário


Sem trackbacks

Visualizar perfil de Marcos  Anghinoni no LinkedIn